Carlos Lacerda

Carlos Lacerda.

Por Fernando Rebouças

Jornalista e político brasileiro, nasceu em 30 de abril de 1914, e faleceu em 21 de maio de 1977, no Rio de Janeiro. Em 1929, começou a escrever para o “Diário de Notícias”. Em 1932, ingressou no curso de Direito na Universidade do Rio de Janeiro, no qual não concluiu.

Mas durante a faculdade, aproximou-se das doutrinas comunistas e da ALN (Ação Libertadora Nacional). Rompeu com os ideais comunistas em 1939, passando a redigir textos anticomunistas.

Em 1945, filiou-se à UDN (União Democrática Nacional), elegeu-se vereador pelo partido no Distrito Federal. Em 1949, fundou o jornal “Tribuna da Imprensa”, veículo que exerceu oposição ao segundo governo do presidente Getúlio Vargas, nos anos 50.

Lacerda sublinhou uma iniciativa contra o jornal concorrente “Última Hora”, por empréstimos escusos , no qual Samuel Weiner, proprietário do “Último Hora”, havia recebido do Banco do Brasil.

Foi vítima de um atentado enquanto chegava em casa na rua Toneleros, o major-aviador Rubens Florentino , responsável pela sua segurança, foi morto,  Lacerda sofreu um tiro no pé.

Nas eleições de 1954, foi o deputado federal mais votado em seu partido. Em 5 de dezembro de 1960, foi empossado governador da Guanabara (atual cargo de governador do Estado do Rio de Janeiro).

Em 1961, depois da renúncia de Jânio Quadros, Lacerda vende o jornal “Tribuna da Imprensa” em virtude de dificuldades financeiras. Tinha o objetivo de chegar à presidência da República, sonho vetado pelo golpe militar de 64 e pela suspensão do voto direto.

Durante a ditadura viajou para a Europa e EUA, mas de volta ao Brasil, em 13 de dezembro de 1968, foi preso e teve seus direitos políticos cassados durante dez anos, faleceu antes do término da cassação, nos últimos anos de sua vida dedicou-se ao jornalismo e fundou duas editoras, a “Nova Fronteira” e a “Nova Aguillar”.

Referências:

http://educacao.uol.com.br/biografias/ult1789u101.jhtm

http://pt.wikipedia.org/wiki/Carlos_Lacerda

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *