Como organizar e-mail marketing

Como organizar e-mail marketing

Por Fernando Rebouças

Para divulgar produtos, serviços e eventos o marketing digital tem como principal ferramenta o envio de e-mail, mais conhecido como e-mail marketing, método para distribuição de conteúdo para listas de endereços de e-mails de parceiros, clientes e internautas cadastrados no site da empresa. Mesmo sendo uma prática eficaz, quando focada no público-alvo certo, o envio deve ser qualificado e não invasivo.

No caso de venda de produtos por meio do e-commerce, torna-se necessário manter seus clientes informados sobre as novidades e promoções do site, considerando a lista de e-mails de clientes que já se cadastraram no site de compras da empresa. Porém, há empresas que, apressadamente, compram listas de e-mails para a propagação rápida de suas promoções, comprometendo, consequentemente, a sua credibilidade no mundo virtual.

Ao utilizar uma lista extensa com endereços estranhos de e-mails, a empresa corre o risco de ser considerada uma geradora de “spam” nas caixas de entradas de quem ainda não é cliente da empresa, de receber vírus como resposta (ao expor o seu servidor de envio de mensagens) e de estar utilizando endereços desativados ou de domínios defasados.

Por meio da internet ou até mesmo em bancas de camelôs não é difícil de encontrar cd’s com pacotes de listas de e-mails pessoais e corporativos para fácil inclusão nos cadastros de envio de newsletters, porém, além dos riscos mencionados anteriormente, não é ético comprar dados de terceiros sem autorização. Veja a seguir os cuidados que devem ser tomados

1 – Forme a sua lista de contatos naturalmente a partir de cadastros internos realizados em seu site e por meio de trocas de mensagens com parceiros. Caso ofereçam listas prontas, reflita:

– Quem são os donos de cada e-mail da lista comprada? É aconselhável enviar mensagens para pessoas e empresas desconhecidas? O interesse delas pelo conteúdo de suas newsletter é garantido?

– Ao comprar dados de terceiros, há o risco de enviar mensagens para e-mails já desativados e para dados desatualizados, gerando perda de tempo e de trabalho;

2 – Preserve a imagem de sua empresa

– O e-mail enviado como lembrete de datas importantes, comemorações e descontos especiais ao cliente cadastrado na lista de contatos causa uma melhor impressão do que enviar a mesma mensagem para outra pessoa que não autorizou receber o mesmo conteúdo.

3 – Evite gerar SPAM

– Se a sua mensagem for considerada e excluída como spam, suas futuras mensagens nunca mais serão lidas ou mantidas nas caixa de entrada principal do destinatário.

4 – Determine seu público-alvo (target)

– Seja no email marketing ou nas mensagens enviadas dentro das mídias sociais, detecte e determine o público que realmente expressa desejo e interesse pelas mensagens e promoções de sua empresa.

5 – Como ampliar a lista de e-mails de maneira ética?

– Por meio de concessão de descontos via cadastro ou de informações gratuitas pelo mesmo método, a sua empresa conseguirá aumentar o número de e-mails cadastrados em sua loja virtual ou site.

– Outra maneira é se associar a grupos virtuais de revenda de produtos, a partir de parcerias que divulgam seus produtos e oferecem carteira de clientes universal como o Mercado Livre, PagSeguro e PayPal.

Referências:

http://blog.dotstore.com.br/post/5-motivos-para-nao-comprar-uma-lista-de-e-mails/

http://www.webcortex.com.br/blog/email-marketing/5-taticas-para-aumentar-sua-lista-de-e-mail-marketing/

 

, ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *