Instituto Brasileiro de combate ao Câncer

Instituto Brasileiro de combate ao Câncer

Por Fernando Rebouças

O Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC), desenvolve programas de prevenção, diagnóstico precoce e tratamento de vários tipos de câncer a população desde 1968. A instituição possui uma infraestrutura de altíssima referência nacional no setor médico hospitalar.

Em média, o instituto oferece mais de 80 leitos de internação, 10 UTI e Centro Cirúrgico com sete salas. No ano de 2008, a instituição realizou mais de 109.000 consultas, 5.000 cirurgias e quase 4.000 internações. Nesse ano, foram mais de 15.000 exames de mamografia, 20.274 de ultra-sons, 9.556 tomografia computadorizada e 8.832 de medicina nuclear.

Em 2008, o instituto realizou 16.648 aplicações de Quimioterapia e 44.685 sessões de Radioterapia. As cirurgias e internações seguem determinado tipo de especialidade médica, há médicos especializados em Cabeça, Pescoço, Cirurgia Plástica, Dermatologia, Ginecologia, Mermatologia, Mastologia, Oncologia Clínica, Radioterapia e Urologia.

As doenças mais incidentes no Brasil, são o câncer de pele, de pulmão, mama, estômago, colo uterino e próstata. Dependendo de cada caso, o tratamento pode ser feito por meio de cirurgia, radioterapia, quimioterapia e transplante de medula óssea, em muitos caso há a combinação dos tipos de tratamento.

Mais de 60% dos atendimentos do instituto são destinados ao diagnósticos e tratamento de Mastologia, Ginecologia e Cirurgia Plástica para a reconstrução das mamas pós-mastectomia. Cerca de 80% dos atendimento do IBCC são mantidos pelo SUS.

O instituto identificou a elevação da média do risco de uma pessoa adquirir câncer, no ano de 1979, o patamar de risco era de 40 para cada 100 mil mulheres e 60 para cada 100 mil homens; em 1999, o patamar elevou-se nos níveis de 60 para cada 100 mil mulheres e 80 para cada 100 mil homens.

Em março de 2008, o instituto inaugurou um novo ambulatório de 800 m² de área, abrangendo 14 consultórios equipados com ar-condicionado, posto de enfermagem, sala de curativos, arquivo de exames e recepção.

Além do atendimento, o Instituto Nacional do Câncer é a única instituição brasileira que pode divulgar dados e estatísticas sobre a incidência do câncer no Brasil. No ano de 2010, o hospital do instituo investiu 650 mil reais na instalação do Sistema de Comunicação e Arquivamento de Imagem, o que possibilita o acesso dos exames radiográficos de qualquer setor interligado à rede, aprimorando o diagnóstico e a programação da cirurgia e tratamento. O sistema reduzirá em até 90% a revelação de filmes radiográficos.

Referências:

http://www.ibcc.org.br/indexSite.htm

http://www.ibcc.org.br/indexSite.htm

http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/abril/dia-mundial-de-combate-ao-cancer.php

 

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *