Venda de armas no Brasil

Venda de armas no Brasil.

Por Fernando Rebouças

No Brasil, no ano de 2003, entrou em vigor o Estatuto do Desarmamento. Desde então, a venda de armas de fogo no país caiu 40,6%. Esse percentual foi divulgado em 2013, pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada).

O estudo do Ipea considerou a Pesquisa de Orçamento Familiar do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística registrada entre os anos 2003 e 2009. Na amostragem, nesse período, a quantidade de armas compradas caiu de 57.000 para 37.000 unidades, equivalente a uma redução de 35%.

Considerando as regiões do país, a queda foi maior na região Sudeste, cuja redução maior de 30% superou a redução de venda de armas nas regiões Norte e Sudeste. A região Sul é a única região que apresentou aumento nas vendas, aumento de 21%.

Analisando os dados do Ipea, o valor médio de cada transação referente às vendas tiveram um aumento de quase 11%, o valor atual médio das transações comerciais são de 100,00 reais. O Ipea considerou que o Estatuto do Desarmamento conseguiu dois passos importante: a redução da quantidade de armar e o aumento nos preços das armas e munições.

Nas estimativas, os homens possuem oito vezes mais oportunidade de comprar uma arma de fogo em comparação às mulheres. Aprofundando a análise sobre o perfil do comprador, os homens e as mulheres com idade entre 20 a 29 anos possuem 172% de condições de compra maior do que as pessoas mais velhas.

Consumidores analfabetos, semianalfabetos e com até três anos de estudos costumam comprar duas vezes mais armas do que pessoas com mais de 12 anos de estudos. Os maiores compradores são pertencentes à classe C, nela a aquisição de armas é 7,5% maior em comparação às classes AB, e 103% maior em comparação à classe E.

No Brasil, após comprar a arma, é necessário solicitar o Porte de Arma de Fogo, um documento cuja validade é de 5 anos. O Porte de Arma autoriza o cidadão a portar, transportar e carregar arma de fogo dentro e fora das dependências de sua casa ou empresa onde trabalha.

Para obtenção do Porte de Arma é necessário ter idade mínima de 25 anos, porém, o Porte de Arma de Fogo, segundo a Lei 10.826/03, é concedido pela Polícia Federal ao portador da arma somente em caso de necessidade justificada e em casos excepcionais.

Referências:

http://revistaepoca.globo.com/Sociedade/noticia/2013/04/venda-de-armas-de-fogo-caiu-406-no-brasil-apos-estatuto-do-desarmamento.html

http://www.dpf.gov.br/servicos/armas/porte-de-arma-de-fogo/porte-de-arma-de-fogo

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *