Vendas nas mídias sociais

Vendas nas mídias sociais.

Por Fernando Rebouças

Conhecer um produto, analisar, compartilhar opiniões e decidir a compra são ações cada vez mais comuns nas mídias sociais. Sempre acreditamos que o consumidor norte-americano sempre age de maneira mais arrojada e presente no e-commerce e nas mídias sociais, porém, segundo dados da empresa de consultoria KPMG Internacional, o comportamento do brasileiro na internet tem apresentado transformações.

Segundo os dados, o Brasil é quarto país do mundo presente nas redes sociais, com 69,1% das empresas presentes com perfil ativo. Em primeiro lugar, a China apresentou percentual de 82,7%; seguida pelos EUA, 71,5%; e pela Índia, 70,2%.

Entre os anos 2011 e 2012, especialistas afirmaram que as redes sociais como Twitter, Facebook e Orkut possuem ampla atratividade social e comercial, possibilitando ao varejista ampliar suas vendas pelo e-commerce. Em 2011, o Brasil movimento 20 bilhões de reais em compras on-line, com perspectiva de crescimento de 50% para 2012.

Porém, nas mídias sociais é necessário se relacionar naturalmente, pois o perfil de uma empresa ou varejista é tão similar ao de uma pessoa comum, uma relação horizontal que deve ser iniciada e mantida por meio de postagens inteligentes e feedback. Mesmo que os seguidores de uma empresa sejam visualmente “amigos” se há divulgação e oferta os mesmos tornam-se em potenciais clientes, e seus direitos de consumidores devem ser respeitados.

Por meio das mídias sociais, as empresas criam um canal de comunicação direto com seus clientes, além de postar novidades e promoções, torna-se necessário oferecer conteúdo específico e ferramentas que facilitem o uso da mídia social para comunicação e compras on-line, como, por exemplo, a instalação de uma loja on-line dentro da rede social.

Até os anos 2000, acreditava-se que a criação de uma loja on-line era a última etapa de uma estratégia de e-commerce, mas, com o surgimento das mídias sociais, os internautas passaram a se organizar em comunidades, compartilhando informações e opiniões a respeito de produtos e serviços. As empresas se sentiram compromissadas em acompanhar a opinião de seus clientes e a potencialidade de compra.

Além de oferecer produtos e promoções, é necessário que a empresa venda bem a sua imagem nas mídias sociais, gerar conteúdo viral de alta qualidade que facilite o rápido compartilhamento, num processo que ajude a aumentar as vendas e fidelizar os clientes.

Referências:

http://revistapegn.globo.com/Revista/Common/0,,EMI239284-17157,00-COMO+MONTAR+UMA+ESTRATEGIA+DE+VENDAS+NAS+REDES+SOCIAIS.html

http://www.comunicacaoetendencias.com.br/facebook-para-empresas-so-da-resultados-por-meio-de-promocoes

http://www.dgabc.com.br/Columnists/Posts/58/6670/midias-sociais-impulsionam-vendas.aspx

 

, ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *